terça-feira, 30 de agosto de 2011

Fiquem aqui connosco

Enquanto se procuram e encontram as provas dos massacres levados a cabo por Kadhafi e os seus apoiantes, as forças rebeldes perseguem e massacram homens negros que encontram, incluindo imigrantes e feridos dentro de ambulâncias e tendas do Crescente Islâmico. Gritam aos jornalistas que os matam porque são mercenários ao serviço de Kadhafi, como se o mundo, perante essa informação que deduzem apenas com base na cor da pele e no facto de não terem mulheres consigo, desculpasse a barbárie com um"Ah! Então está bem".

Nesta reportagem do Channel 4, um grupo de homens negros implora aos jornalistas que fiquem junto deles. Testemunhos do terror agora perpetrado pelo outro lado. O lado que apoiámos.

1 comentário:

CCF disse...

Não tarda esta a Nato a pensar como é que fará para os tirar do poder...como aconteceu no Afeganistão com os americanos...tudo isto é de uma inconsistência tremenda.
~CC~