sexta-feira, 6 de novembro de 2009

poemas

Não sou estudiosa da poesia. De vez em quando atrevo-me e escrevo um poema mas sobretudo leio-a e é da leitura que quero falar. Ler um poema da Cláudia é um sobressalto. Entranha-se de tal forma que consigo repetir vários versos de memória logo após a primeira leitura. Transporto versos dispersos da Cláudia na minha cabeça.

2 comentários:

CNS disse...

A poesia da Cláudia é realmente como diz. Um sobressalto.

blue disse...

:)
(obrigada)