sexta-feira, 10 de abril de 2009

círculos


Botticelli, mapa do inferno de Dante

O politico que vacila, a mãe que sofre, os soldados que apenas seguem ordens, o traidor, os trinta dinheiros, o clero comprometido com os seus interesses, o povo facilmente manipulável, os intérpretes e os manipuladores dos acontecimentos, a evangelização da palavra, qualquer palavra, as anunciadas curas de todos os problemas, as promessas e as profecias, o odor agressivo dos perfumes.

De repente sente-se que toda a história, toda a humanidade, caminha em círculos.

1 comentário:

ecila disse...

Exacto! A imagem foi muito bem escolhida :)